B!NewsMusicaisMusicais BiográficosMusicalMusical OriginalPrêmio Bibi FerreiraSão PauloSlide

Beto Sargentelli se prepara para interpretar Elvis Presley

Recém indicado duplamente à 10ª edição do Prêmio Bibi Ferreira, ele anuncia seu próximo projeto, com texto e produção própria.

No palco do teatro, os fãs de Elvis Presley (1935 – 1977) podem esperar por uma experiência inesquecível, pois o ator e cantor Beto Sargentelli, destaque em diversos musicais brasileiros, está se preparando para dar vida ao icônico Rei do Rock em um emocionante musical autoral. Com voz e habilidades de atuação impressionantes, recém reconhecidas em dupla indicação na categoria de Melhor Ator do Prêmio Bibi Ferreira, por seus trabalhos em “West Side Story” e ” Bonnie & Clyde”, Sargentelli promete transportar o público de volta aos dias de luta e glória de Elvis, ídolo pessoal e que o conecta às suas raízes mais profundas.

A escolha de Sargentelli, de dar vida ao rockstar estadunidense, não é por acaso. Sua paixão pela música, inspirada desde a infância pelo saudoso pai, o também artista Roberto Sargentelli, com quem soltava a voz em canções como “Love Me Tender”, somada à sua busca incansável por se reinventar a cada trabalho nos últimos 15 anos, despertaram nele o desejo de mergulhar nessa nova tarefa desafiadora, e a qual vem se dedicando desde 2017, quando o diretor Breno Silveira, com quem trabalhou no musical “Dois Filhos de Francisco”, disse ter visto nele, durante um dos seus ensaios para viver Zezé Di Camargo, a figura de Elvis. Foi este o pontapé inicial para que o sonho antigo virasse um projeto e começasse enfim a sair do papel.

Beto Sargentelli em ensaio, como Elvis Presley | Foto: Gabriel Mór

De lá para cá foram muitos espetáculos estrelados e protagonizados, quatro deles só ao longo dos últimos 12 meses (Nautopia, West Side Story, Bonnie e Clyde, e Os Últimos 5 Anos), intercalados a alguns shows e à sua entrada oficial no mercado fonográfico, com o lançamento do primeiro single “Nas 4 Estações”, produzido por Hélio Bernal; mas nada disso fez com que o ganhador do Prêmio Bibi Ferreira de Melhor Ator 2020, estacionasse o estudo da vida e da carreira de Presley, reunindo as ferramentas necessárias para incorporar não apenas sua voz característica, mas também seus gestos, estilos e presença de palco magnética, eternizada pelo visual dândi, o topete montado à base de brilhantina Royal Crown e os movimentos característicos de quadris.

Foi ao longo, também, dos últimos cinco anos, que Beto se dedicou a escrever o roteiro deste que será o segundo musical biográfico da carreira. Todo seu processo de estudo lhe rendeu base suficiente para conhecer os detalhes dessa história de trás para frente, chegando inclusive ao conhecimento da Elvis Presley Enterprises, que  se afeiçoou ao texto criado, o que serviu como mola propulsora para que Beto seguisse com o projeto inspirado no ícone cultural, certo de que a imagem do seu ídolo estaria preservada e bem representada através de uma homenagem genuína.

A nova produção autoral, “O Rei do Rock – O Musical”, produzido pela H Produções Culturais, promete oferecer uma visão única da vida e da música do artista, explorando não apenas os momentos de sucesso, mas também os desafios e a jornada pessoal por trás do ícone. Ao lado de uma equipe de peso, o espetáculo promete ser mais que um tributo emocionante, repleto de canções, a um dos maiores nomes da história da música, sendo também uma viagem no tempo pelas muitas camadas de um artista que rompeu barreiras, se tornando uma influência atemporal na cultura musical.

Confira o teaser de divulgação, com direção audiovisual e produção executiva de Eline Porto, o visagismo de Marcos Padilha, o designer gráfico de Caio Bonicontro, a cinegrafia e fotografia de Gabriel Mor, e a edição e produção executiva de Lucas Mello.

*Com informações do release oficial, via GPress Comunicação

Mostrar mais

Artigos relacionados

Comente

Botão Voltar ao topo