raB!sco de “2 Filhos de Francisco”

🎨 Estrelando Beto Sargentelli e Bruno Fraga 🎨

A clássica história de superação dos irmãos Zezé Di Camargo e Luciano, que conquistaram o Brasil na década de 90, não é novidade para quase nenhum brasileiro.
Com o lançamento do filme, também intitulado “2 Filhos de Francisco”, em 2005, o Brasil teve a oportunidade de conhecer e se emocionar com a vida que os sertanejos levaram até que o reconhecimento e a fama finalmente fossem alcançados.
Em outubro do ano passado, a trajetória, já conhecida nas telonas, ganhou os palcos de São Paulo, em um musical sincero e afinadíssimo, dirigido por Breno Silveira e com roteiro de Patrícia Andrade e Carolina Kotscho, que emocionou mais uma vez o público, embalado por canções consagradas como “Galopeira”, “Romaria” e o hit que consagrou a dupla, “É o Amor”.
Não tive a oportunidade de vê-lo em 2017, mas estava ansioso para assistir ao espetáculo por alguns motivos:
  • Após ler as críticas e resenhas a respeito das semelhanças dos atores, tanto vocal, quanto corporal, minha curiosidade só aumentou. E após vê-los em cena, as altas expectativas nutridas por mim não foram diminuídas de maneira alguma.
  • Sou nascido em Pernambuco e criado em SP. Também vi de perto meu pai buscar melhores condições de vida pra nossa família. E foi nessa busca que ele optou por deixar os parentes, amigos e antigo emprego no Nordeste e recomeçar a vida na cidade grande com a esposa grávida e o filho com menos de 1 ano de idade. Reviver essa situação contada com tanta verdade no palco é muito emocionante e em alguns momentos é inevitável conter as lágrimas.
  • O sotaque caipira, ainda que diferente do sotaque da minha família, também me remete a lembranças muito boas de um povo simples, humilde e feliz.
  • E a história de fé e perseverança do Seu Francisco é uma lição de vida que nunca me cansa. Ver a trajetória sofrida da família Camargo, acompanhar os passos deles e ver até onde seus pés, ainda que cansados e sem esperança, caminharam até que a colheita de bons frutos fosse feita é inspiradora e nos lembra de que sonhos se realizam.
Após um breve período de recesso, Beto Sargentelli (Zezé), Bruno Fraga (Luciano), Laila Garin (Helena), Rodrigo Fregnan (Francisco) e grande elenco, estão de volta para concluir a temporada iniciada no Teatro Cetip, e que se encerra no dia 25 de fevereiro.

Vale a pena conferir!

¬
Processo Criativo

Arte Final

IMG_2760 (1)

SERVIÇO:

Onde: Teatro Cetip
Rua dos Coropés, 88 – Pinheiros
Quando: até 25 de fevereiro
Quintas e sextas, às 21h; sábados, às 17h e 21h; domingos, às 18h
Duração: 120 minutos em dois atos (com intervalo de 15min)
Quanto: R$50 a R$100 (valor inteiro)
Classificação Etária: Classificação livre. Menores de 12 anos acompanhados dos pais ou responsáveis legais.

Anúncios

E você? O que achou da matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s