“Once On This Island” ganhará versão brasileira – saiba mais detalhes da produção

FOTO CAPA: Joan Marcus

Premiado recentemente no Tony Awards 2018, com a menção de melhor remontagem de musical da temporada na Broadway, “Once On This Island“, terá sua primeira produção profissional licenciada no Brasil em 2019. Em fase de captação de recursos, a obra que tem o título provisório de “Era Uma Vez Nessa Ilha“, teve seus direitos comprados por Caio Loki, que se associou Alexandre Bissoli, George Luis Prata, Júlio Oliveira para desenvolver o projeto. Ainda sem nomes confirmados, a peça terá seu elenco definido a partir de audições.

Os produtores associados de "Once On This Island": Caio Loki, Alexandre Bissoli, George Luís Prata e Júlio Oliveira
Os produtores associados: Caio Loki, Alexandre Bissoli, George Luis Prata e Júlio Oliveira

O musical, ambientado na ilha conhecida como “Jóia das Antilhas” (antiga designação para a nação conhecida hoje como Haiti) combina elementos de “Romeu e Julieta”, de William Shakespeare, e “A Pequena Sereia”, de Hans Christian Andersen. Originalmente, estreou no circuito off-Broadway em maio de 1990, chegando à Broadway em outubro do mesmo ano, sendo indicado em oito categorias do Tony Awards em 1991.

Elenco original de “Once On This Island” na Broadway / FOTO: Martha Swope/NYPL for the Performing Arts

No centro da narrativa está Ti Moune, uma jovem camponesa negra que mora do lado pobre da ilha, onde a população descendente dos escravos trazidos pelos colonizadores franceses reside. A moça está no centro de uma aposta entre deuses inspirados na crença caribenha: Erzulie, a deusa do amor e da beleza, e Papa Ge, representante do desconhecido mundo da morte. A jovem conta ainda com a compaixão da “mãe terra”, Asaka, além de lidar com os caprichos do deus das águas, Agwé. Apaixonada por um jovem rico, descendente dos colonizadores europeus, Ti Moune enfrenta o divino para seguir seu destino.

Emerson Davis, Lea Salonga, Alex Newell, Quentin Earl Darrington, and Merle Dandridge
Montagem de 2017 na Broadway: A pequena Ti Moune ao lado das quatro divindades que desenham seu destino / FOTO: Joan Marcus

Montamos essa peça no colégio, quando eu tinha 12 anos. Foi minha primeira experiência com teatro e canto. Desde então, é um dos meus musicais preferidos. Acho que um dos meus pontos preferidos dessa obra é ser uma reinterpretação do conto original de ‘A Pequena Sereia’ e como essa fábula consegue, através de uma história ‘trágica’, causar uma catarse imensa na platéia e fazer ela sair mais leve e mais esperançosa, sem deixar de enfrentar algumas verdades necessárias durante o espetáculo” conta Caio Loki, em entrevista ao B!

Conexão e representatividade

A história de “Once On This Island” lida com antíteses em vários aspectos, como vida e morte, amor e segregação, riqueza material e bens imateriais. Para Caio, é uma história necessária, sobretudo com o pano de fundo da situação atual vivida em todas as esferas do Brasil. “Acima de tudo, o espetáculo fala sobre ‘unir dois mundos’ por meio do amor, da colaboração, da esperança. E, nesse momento crítico que a gente vive no país, essa mensagem se faz muito precisa. Tudo é contado com muita sensibilidade, alegria e sinceridade, sem precisar ser panfletário ou invasivo para passar a mensagem. Foi isso que me motivou a querer trazer pra cá esse projeto, ainda mais depois do resultado brilhante desse revival em Nova York” compartilha o idealizador do projeto.

Anúncios

Autor: Cláudio Martins

Editor do A Broadway é Aqui! - MTB - 0039321/RJ

E você? O que achou da matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.