Com Jarbas Homem de Mello e Claudia Raia, “Cantando na Chuva” chega à SP no segundo semestre

O clássico romance musical “Cantando na Chuva”, responsável por eternizar a canção ‘Singin’ In The Rain’, chegará ao Brasil ainda este ano. A história, originalmente conhecida das telas com os atores Gene Kelly, no papel de Don Lockwood, Donald O’Connor como Cosmo Brown e Debbie Reynolds como Kathy Seldene, completa seu 65º aniversário em 2017.

cantandoA produção, que ficará a cargo da Raia Produções, IMM e EGG Entretenimento, chega à São Paulo em setembro, para uma temporada no Teatro Santander, que com menos de um ano inaugurado já foi palco de grandes eventos e estreias, bem como os musicais “We Will Rock You”, “My Fair Lady” e “Carrossel”, e a 4ª edição do grande Prêmio Bibi Ferreira, o primeiro exclusivamente dedicado ao Teatro Musical da cidade.

A montagem, contará com o talentoso casal Jarbas Homem de Mello e Claudia Raia, experts em unir canto e dança junto a interpretação com muita técnica e qualidade; Em cena, ele dará vida ao icônico Lockwood – assim como seu ídolo -, enquanto ela será Lina Lamont, papel que no filme foi de Jean Hagen. A dupla, que não divide a coxia no mesmo elenco desde “Crazy For You”,  que encerrou temporada em 2014, retorna ao palco com a aposta de uma produção que promete ser grandiosa – e molhada -, já que desejam manter o ápice do espetáculo ‘lá de fora’, que chega a oferecer capas de chuva às primeiras fileiras do teatro para um dos momentos mais aguardados.

Raia e Jarbas.jpg

Claudia e Jarbas em “Cabaret” e “Crazy For You” – Fotos: Divulgação

Com texto de Betty Comden e Adolph Green e músicas de Arthur Freed e Nacio Herb Brown, o musical “Cantando na Chuva”, que desde que estreou no West End, em 1983, tem viajado pelo mundo passando por lugares como Broadway, Austrália, Tokyo, Paris e Moscow, abriu audições para atores da versão brasileira em novembro do ano passado, e embora sem muitos detalhes até o momento, já se sabe que a produção estará sob a direção de Fred Hanson e contará com as versões assinadas por Mariana Elisabetsky e Victor Mühlethaler, que repetem a parceria bem sucedida em “Wicked”. A previsão de estreia é para agosto.

*Com informações da Folha de S. Paulo

Anúncios

E você? O que achou da matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s