“Yentl em Concerto” ganha nova temporada em SP

yentlO Teatro Porto Seguro, localizado no centro de São Paulo, conhecido por receber em sua programação, normalmente de terça a domingo, os mais diversos shows e espetáculos teatrais e musicais, passará agora a ter suas segundas-feiras ocupadas, tudo porque abrirá suas portas especialmente para receber a nova temporada de “Yentl em Concerto”, show teatral da atriz e cantora Alessandra Maestrini, baseado no conto ‘Yentl – The Yeshiva Boy’, de Isaac Bashevis Singer, e no filme homônimo, estrelado por Barbra Streisand, em 1983.

A estrela, que já integrou elencos de superproduções como ‘Rent’, ‘Les Misérables’, ‘7 – o Musical’ e ‘New York, New York’, que eternizou a personagem Bozena, do humorístico global “Toma Lá da Cá”, e que há três anos tem a honrosa missão de ser a mestre de cerimônias oficial do Prêmio Bibi Ferreira, retorna ao palco com o show que estreou em 2014, por iniciativa própria, onde assume as funções de idealizadora, roteirista, diretora e produtora, bem como fez sua atriz inspiradora, Barbra Streisand, há mais de três décadas.

No tocante papel de Yentl, uma judia à frente de seu tempo, Alessandra, que não segue um texto fixo em cena, mergulha com emoção e bom humor na vida da jovem destemida, que após perder seu pai, decide desafiar um destino que lhe condenava a permanecer na ignorância de Deus, do mundo e de si, e sair em busca de novas respostas para seus questionamentos e sua vontade de aprender.
Yentl então corta os cabelos e se traveste de homem para poder estudar o Talmud e a Torah – inacessíveis às mulheres –, mas seus planos mudam de rumo quando se descobre apaixonada por um colega de yeshiva, precisando assim lidar com novos sentimentos e desafios do relacionamento, e descobrir então, até onde está disposta a ir e abrir mão de sua verdadeira identidade.

Yentl Alessandra

Alessandra Maestrini – Foto: Priscila Prade

Investindo em uma maior proximidade e interação com a platéia, Maestrini conduz com muita leveza 75 minutos intensos, e aborda temas ainda delicados como a transsexualidade, a homossexualidade, e a independência feminina de forma sutil.
Ao lado do Maestro e pianista João Carlos Coutinho, que assina a direção musical, a dupla viaja para os anos 20 e interpreta com personalidade e originalidade as 11 canções de Michel Legrand, com letras de Alan e Merilyn Bergman – canções essas que em 1984 garantiram o Oscar de Melhor Trilha Sonora Adaptada e o Globo de Ouro de Melhor Filme Musical.
O espetáculo, que já passou por Rio de Janeiro e Belo Horizonte, reestreia hoje, 16, no Teatro Porto Seguro, em São Paulo, onde fica em cartaz durante todo o mês de maio, e para onde retornará após uma pausa em junho e julho, encerrando suas apresentações.
Para garantir seus ingressos clique aqui!

SERVIÇO:

Onde: Teatro Porto Seguro
Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos – São Paulo/SP
Quando: 16 a 30 de maio, segundas, às 21h
Quanto: Plateia: R$ 80 | Frisas e balcão: R$ 60
Ingresso cliente Porto Seguro*: Plateia: R$ 40 | Frisas e balcão: R$ 30
Gênero: Musical
Duração: 1h15
Classificação: 12 anos
Informações: (11) 3223-2090
Horário da bilheteria: terça a sábado, das 13h às 21h e domingos, das 12h às 19h

 

Anúncios

E você? O que achou da matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s