Veja a lista de vencedores da primeira edição do Prêmio Reverência

53AFAB0C-9556-9E3E-1C38062721D7B9C4

Aconteceu na noite de ontem, 24, a primeira edição do Prêmio Reverência, dedicado exclusivamente aos musicais. Durante a cerimônia, presidida por Heloísa Perissé no Hotel Fasano, foram homenageados os produtores, atores e personalidades que se destacaram neste universo em 2014. A premiação, idealizada por Antonia Prado, tem como uma de suas apostas, a busca pela conciliação entre as produções realizadas no Rio de Janeiro e em São Paulo.

“Os Saltimbancos Trapalhões”, de Claudio Botelho e Charles Möeller, faturou o prêmio de melhor musical por voto popular, melhor coreografia, pelo trabalho de Alonso Barros, e melhor cenografia, que no musical é assinada por Rogério Falcão. Outra produção da dupla que levou um prêmio foi “Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 Minutos”, pela atuação de Lílian Valeska, na categoria de melhor atriz coadjuvante.

“Elis, a musical” também teve seu momento de destaque na noite, levando o prêmio de melhor musical pela escolha do júri. Laila Garin e Danilo Timm também receberam o prêmio de melhor atriz e melhor ator coadjuvante, respectivamente. Délia Fischer conclui as conquistas de “Elis” sendo homenageada por seu trabalho como diretora musical.

Laila Garin e Antonia Prado, idealizadora do Prêmio Reverência

Laila Garin e Antonia Prado, idealizadora do Prêmio Reverência // FOTO: Cristina Granato

Comemorando a marca de 28 indicações em diversos prêmios desde sua estreia, o elenco de “Samba Futebol Clube”, e seu diretor, Gustavo Gasparani, foram contemplados nas categorias de melhor ator e melhor direção. O trabalho de iluminação de “O Grande Circo Místico”, realizado por Luiz Paulo Neném, também foi premiado. Chico Buarque foi outro grande homenageado na cerimônia, vencendo na categoria de melhor autor, por “Ópera do Malandro”.

Gustavo Gasparani e o elenco de "Samba Futebol Clube celebram as premiações de melhor  ator (para o elenco) e melhor direção //FOTO: Cristina Granato

Gustavo Gasparani e o elenco de “Samba Futebol Clube celebram as premiações de melhor ator (para o elenco) e melhor direção //FOTO: Cristina Granato

Mas nem só produções originalmente cariocas foram premiadas. Os figurinos de Fause Haten para “A Madrinha Embriagada” foram contemplados, além do Sesi-SP/Fiesp pelo projeto educacional de Teatro Musical (A Madrinha Embriagada e O Homem de La Mancha).
O Prêmio Reverência, que vai alternar o local de sua recepção entre as duas grandes cidades a cada ano, teve sua primeira festa no Rio de Janeiro, e em 2016 será realizado em São Paulo, celebrando em suas 14 categorias os próximos destaques em novo palco.

Anúncios

E você? O que achou da matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s