“Vida, O Musical” propõe nova visão sobre o teatro musical

Está em cartaz no Teatro Ipanema o espetáculo “Vida, O musical”, que tem texto e direção assinados por Rodrigo Nogueira (Rock in Rio – O Musical). O elenco é formado por Isabella Camero, Renan Mattos, Victor Maia, Giulianna Faria, Lyv Ziese, Olívia Torres, Pâmela Côto, Rael Barja, Renan Mattos, Léo Bahia e o próprio Rodrigo. Em cena, o grupo se divide para viver os dois personagens do roteiro: um casal que tenta encontrar significado na existência após assistir um musical e acreditar que a vida é banal.

“Vida” faz parte do projeto de ocupação “No Lugar”, realizado Teatro Ipanema. O musical é fruto de oito meses de pesquisas do núcleo orientado por Rodrigo e pretende questionar o modelo de produção teatral moderno. A peça abre com números “tradicionais” do teatro musical e evolui para uma mais forma livre das costumeiras marcações e maneirismos típicos do gênero. Após a apresentação do primeiro ato, há debates com convidados influentes no meio, como o diretor João Fonseca (Tim Maia – Vale Tudo, Rock in Rio – O Musical) Aniela Jordan e Vanessa Gerbelli.

rodrigo-nogueira_autor-do-rock-in-rio-o-musical
Rodrigo Nogueira, autor e diretor de “Vida , O Musical”

A ocupação “No Lugar” foi a primeira a entrar no Teatro Ipanema (um dos mais tradicionais do Rio de Janeiro) após ele ter sido comprado pela Prefeitura. Depois de um período histórico (entre as décadas de 1960 e 1980), o ‘Ipanema’ acabou saindo do mapa cultural da cidade. Nossa ocupação busca colocá-lo de volta nesse roteiro e a estratégia é fazer do teatro mais que um lugar que recebe peças, mas que também produz, suscita discussões e vira agente cultural.

Durante meses, eu e outros 12 atores nos reunimos duas vezes por semana no teatro para pesquisar teatro musical. E “Vida, O musical” é um embrião dessa pesquisa que apresentamos de graça.  Acho que importância desse espetáculo para todos os envolvidos é o fato de ser um musical totalmente diferente do que os “atores de musical” estão acostumados a fazer.

O processo partiu de um texto meu, mas foi escrito ao longo dos ensaios. Cada fala foi produzida para cada ator. As marcas mudam a cada dia (elas são resultado de um jogo espacial do view point) e os atores têm liberdade para sugerir uma mudança de tom ou de linha vocal tanto quanto o diretor. Aqui os atores são também criadores. É bem trabalhoso, mas muito rico, diz Rodrigo Nogueira, em entrevista ao B!

O elenco é composto por um misto de atores com e sem experiência em teatro musical, como Lyv Ziese, integrante do elenco de “Rock in Rio – O Musical”, e Léo Bahia, atualmente em cartaz na montagem acadêmica de “The Book of Mormon”. O fato de não seguir os padrões comuns do gênero, também estimula o elenco à criatividade.

“O ‘Vida’ me mostrou todo um lado diferente do teatro que eu não to acostumado. Fui ‘adestrado’ pra ser um ator de musical com marcas rígidas e intenções bem demarcadas, muito regrado. Mas ‘vida’  me jogou numa vertente que eu nunca tinha experimentado, mais livre, sem marcas pré-concebidas  ou a  rigidez costumeira no teatro musical. Toda essa experiência está sendo incrível” comenta Léo Bahia, em entrevista ao site

???????????????????????????????

 

“Pra mim o processo foi sofrido e ainda é. Estamos muito acostumados com o linear e o clássico. E o gostoso pra mim está no desafio. Por mais que a peça não tenha a pretensão de não ser um musical ou de fazer novas descobertas, há sempre um frio na barriga ao fazer algo diferente do normal, o híbrido. A utilização de ‘view points’ ajuda a concentração e o elenco fica numa conexão espetacular. É gostoso poder fazer  uma peça diferente todo dia. Isso foi o mais difícil de se acostumar. Mas esse desapego das marcas dá uma sensação de liberdade incrível e você passa a ter que se ligar no espaço cênico o tempo todo” afirma Lyv, sobre a sua experiência com a proposta do musical.

A direção musical é assinada por Marcelo Farias, que escreveu algumas composições próprias para o espetáculo em conjunto com Rodrigo. Também estão no set list do espetáculo uma versão suicida de “Your Song”, de Elton John, uma canção criada em cima do poema “Se te queres matar”, de Fernando Pessoa e um número sem instrumentos.

*Atualizado às 16h55 do mesmo dia

 


Serviço:

Teatro Ipanema
Rua Prudente de Morais, 824 – Ipanema, Rio de Janeiro

Quando: de 28 de março a 13 de abril

 sexta e sábado, às 20h, e domingo, às 19h

Ingressos: Entrada gratuita
Classificação: 12

Bilheteria: de quarta a domingo, das 14h até a hora do espetáculo
Anúncios

Um comentário em ““Vida, O Musical” propõe nova visão sobre o teatro musical

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.