Conheça Bruno Sigrist e Lyv Ziese, O Mathias e a Lyv do musical “Rock In Rio”

Você pôde conferir a desenvoltura e o talento desses dois jovens em “Rock in Rio – O Musical” desde sua estreia no Rio de Janeiro, e agora, após uma temporada de sucesso no Teatro Alfa, em São Paulo, eles se preparam para as quatro últimas apresentações no Auditório Ibirapuera. Conheça a trajetória dos atores Lyv Ziese e Bruno Sigrist nesta entrevista exclusiva.

bruno e lyv

Lyv (Lyv Ziese) e Mathias (Bruno Sigrist) – Foto: Robert Schwenck

Ele, que vive o personagem Mathias, já carrega no curriculum a experiência de o “Despertar da Primavera”; Ela, estrante no mundo das grandes produções musicais brasileiras, debutou em “Rock in Rio – O musical”, no papel da personagem que leva seu próprio nome, Lyv, uma menina tímida, mas que consegue encontrar o seu lugar ao sol ao lado do jovem ialista que a acompanha nas cenas. Bruno Sigrist e Lyv Ziese se conheceram durante os testes para a produção que homenageia mais uma edição do maior festival de música do planeta. Em pouco mais de um ano, os dois compartilharam experiências, momentos em cena e também fora dos palcos.

Para Bruno, nascido em Campinas, no interior de São Paulo, assim como para muitos jovens, o interesse pelos musicais veio a partir da aulas de teatro e de viagens, e não foi muito diferente com Lyv, que passou a se apaixonar pelos mundo do teatro cantado após admirar as performances de atores como Richard Gere em “Chicago” e outros filmes do gênero, como “Moulin Rouge”.

“Foi depois de ver ‘O Fantasma da Ópera’, em São Paulo, que eu decidi tornar aquilo o meu trabalho. Comecei a estudar canto lírico, para facilitar a prática para o musical e no meio dos meus estudos começaram os testes para o “Despertar da Primavera”, de Möeller e Botelho no Rio de Janeiro. Foi um dos primeiros processos a usar a internet como ferramenta para envio de material, eu me lembro de ter enviado vídeos pelo My Space, fiz o teste no capital carioca e passei para o papel de Otto e para o substituto do Rodrigo Pandolfo, como Moritz. Eu fiz a temporada do Rio e do meio para o fim em São Paulo assumi o lugar do Pandolfo, que saiu para fazer um trabalho em TV. Foi uma experiência incrível e intensa, eu não tinha sub, não poderia faltar”, relembra Bruno – entre risos.

lyvPara Lyv Ziese, a principio os musicais não estavam nos seus planos… Durante a infância e adolescência fez aulas de sapateado, jazz e teatro como atividades complementares aos seus estudos. “Até o primeiro momento, eu seria médica ou engenheira”, brinca a atriz – que complementa: “A primeira peça que eu fiz foi no recital de fim de ano de um curso de teatro, foi uma adaptação de “Hair” para o universo infanto-juvenil. Depois emendei outros cursos, como seis meses de Tablado e cinco anos no Teatro dos Grandes Atores com o mestre Eduardo Bruno, em que aprendi muita coisa com ele”.

Em 2007 uma nova oportunidade surgiu para a atriz, através do processo seletivo para uma montagem de “High School Musical” (não oficial da Disney), que permitiu que Lyv viajasse com o espetáculo pela Região dos Lagos, no Rio de Janeiro; Ainda no mesmo ano, uma outra oportunidade no meio musical apareceu, a atriz se inscreveu para as audições de “Hairspray”, produzido por Miguel Falabella, e teve um aprendizado especial. “Neste momento eu realmente pude sentir o apoio dos meus pais, eles vieram comigo a São Paulo, passamos uma semana na cidade por conta da seleção, em que conheci muita gente e aprendi muito, mesmo sem ter sido selecionada'”.

Caminhos que levaram a um lugar comum

Em meio a testes para diversos trabalhos, tanto Bruno quanto Lyv tiveram a oportunidade de trabalhar em TV. Ele foi um dos protagonistas da série musical “Julie e os fantasmas”, uma co-produção da Rede Bandeirantes e do canal Nickelodeon; Nesse meio tempo, ela estreava “Bicicleta e Melancia”, no canal de TV paga Multishow, onde conheceu Rodrigo Nogueira, autor do texto de “Rock in Rio – O Musical”. A vida dos dois jovens se cruza em muitos pontos, como por exemplo durante os testes para o elenco de “Shrek – O musical”, ambos tentaram, mas não foram selecionados.

A primeira vez em que os dois se viram, foi em um momento muito propício… “Eu me recordo que a nossa cena no musical tinha que ter um ar de ‘estranheza’ e como nós nunca tínhamos nos encontrado antes, foi tudo muito natural, pode-se por assim dizer…” – comenta Lyv.

“O ‘Rock in Rio’ foi muito democrático. O João Fonseca nos deu liberdade para praticamente produzir o espetáculo nos ensaios, testando muito, mudando muita coisa. Um musical depois que estreia é sempre repetição, quando você vê um espetáculo há muito tempo em cartaz com o mesmo elenco, ele corre o risco de perder a vida, ficar massante. No ‘Rock in Rio’ eu e a Lyv sempre pensávamos em fazer cada sessão diferente”, diz Bruno.

Desafios de uma mega produção

Assim como qualquer trabalho, o musical sobre o famoso festival de música trouxe novos desafios para todo o elenco, composto por atores com múltiplas experiências em TV, teatro e cinema, e Lyv conta um pouco sobre os seus: “Foi muito bacana o processo do ‘Rock in Rio’, porque cada um compartilhou um pouco do que sabia. A Kacau Gomes me ensinou algo que eu desconhecia até então, a leitura de uma partitura, o Caike Luna é um monstro da comédia. Nesse trabalho, como não era algo pronto, as únicas referências que nós tínhamos eram nós mesmos”.

Foto: Robert Schwenck

Foto: Robert Schwenck

Entre os processos criativos da produção, o diretor João Fonseca permitiu que os atores do espetáculo escolhessem qual cantor gostariam de representar na cena de abertura do musical. Bruno escolheu Elton John e Lyv, após uma busca, ficou em dúvida entre dois extremos: Nina Hagen e Kate Perry, por conta da “doçura” de sua personagem – e calhou que ela aceitou a sugestão do diretor para Katy Perry, muito bem representada na voz de Lyv.

E sobre a despedida do musical, eles dizem:

“Eu vou levar do ‘Rock in Rio’, uma habilidade de criar, de confiar no processo, que permite a você chegar a lugares incríveis, e também uma voz aguda que eu nunca tive antes. Vou levar as pessoas também… Querendo ou não, é uma vida que a gente constrói com esse pessoal”, resume Bruno.

“Era um ano decisivo para mim. Ou eu ia passar para alguma trabalho ou iria morar na Austrália com meu irmão… Com o ‘Rock in Rio’, eu fiquei e já faz mais de um ano que estamos envolvidos nesse processo. Além das pessoas, eu acho que vou levar a disciplina, o aprendizado de saber me ajustar as situações muito rápido, porque tudo pode acontecer, e você tem q estar preparado para segurar a barra. Eu acho que o companheirismo foi o que fez toda a diferença para mim neste trabalho”, avalia Lyv.

Elenco de "Rock in Rio - O Musical" Ao centro e direita Bruno Sigrist e Lyv Ziese/ Foto: Guga Melgar

Elenco de “Rock in Rio – O Musical” Ao centro e direita Bruno Sigrist e Lyv Ziese/ Foto: Guga Melgar

Anúncios

2 Respostas para “Conheça Bruno Sigrist e Lyv Ziese, O Mathias e a Lyv do musical “Rock In Rio”

  1. Pingback: “Vida – O Musical” propõe nova visão sobre o teatro musical | A Broadway é Aqui!·

  2. Pingback: Saiba os nome dos integrantes do elenco de “Se eu fosse você – O Musical” | A Broadway é Aqui!·

E você? O que achou da matéria?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s