BrasilMusicais

Musical homenageia centenário de Luis Gonzaga e celebra a brasilidade nos palcos

Hoje é comemorado o Dia Nacional do Forró, criado justamente no aniversário de Luiz Gonzaga, músico que se tornou famoso por popularizar o gênero no país. No ano em que o pai do forró completaria 100 anos, o diretor João Falcão resolveu homenagear o rei do baião com o musical ” Gonzagão –  A lenda “. O projeto foi iniciado há dois anos, quando Falcão recebeu o convite da produtora Sarau Agência de Cultura Brasileira para produzir o musical.

A peça estreou em 19 de outubro, no Teatro Sesc Ginástico, no Rio de Janeiro e desde então tem sido um sucesso, por ir na contramão das adaptações de musicais estrangeiros que tem chegado ao país nos últimos anos. Barbara Heliodora, grande nome da crítica teatral carioca, elogiou a escolha artística do diretor ao focar mais no mito do que na figura histórica de Luiz Gonzaga. Tudo no espetáculo remete ao universo do Nordeste, desde o figurino de Kika Lopes aos adereços de Sérgio Marimba. 

No palco, oito atores se dividem para recontar a lenda do “rei Luiz”, ao lado de apenas uma mulher, Laila Garin, que encarna vários aspectos femininos da tradição nordestina como Diadorim, personagem famosa da literatura do sertão, Nazarena, o primeiro amor de Gonzaga e Odaléa, a mãe de Gonzaguinha. Instrumentos típicos, como o acordeão, estão presentes no palco, além de 50 canções do repertório do rei do Baião. Mas a direção musical de Alexandre Elias não se rende a formação clássica do forró (sanfona, triângulo, zabumba), trazendo para o palco também violoncelo, rabeque e viola.

Adrén Alves, Alfredo Del Penho, Eduardo Rios, Fabio Enriquez, Marcelo Mimoso, Paulo de Melo, Renato Luciano, Ricca Barros, todos revezando-se nos vários papéis, inclusive no de Gonzaga
Adrén Alves, Alfredo Del Penho, Eduardo Rios, Fabio Enriquez, Marcelo Mimoso, Paulo de Melo, Renato Luciano, Ricca Barros, todos revezando-se nos vários papéis, inclusive no de Gonzaga

Quem assistir ao musical ouvirá clássicos como “Asa Branca” e “Baião” em um repertório composto de 50 canções de Luiz Gonzaga.  A temporada de 2013 se encerra neste domingo, dia 16. Não percam a oportunidade de assistir a um musical que literalmente tem o Brasil correndo nas veias!

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=YZ78kdNs1jk&feature=related]

 

Texto e direção: João Falcão
Elenco: Marcelo Mimoso (apresentando), Laila Garin (atriz convidada), Adrén Alves, Alfredo Del Penho, Eduardo Rios, Fabio Enriquez, Paulo de Melo, Renato Luciano e Ricca Barros
Músicos: Beto Lemos (Viola e Rabeca), Hudson Lima (Cello), Rick De La Torre (Percussão), Rafael Meninão (Acordeon), Marcelo Guerini (Acordeon)
Direção musical: Alexandre Elias
Direção de movimento: Duda Maia
Direção de produção e Idealização: Andréa Alves
Cenografia e Adereços: Sergio Marimba
Figurinos: Kika Lopes
Iluminação: Renato Machado
Preparação vocal: Carol Futuro
Assistente de Direção: João Vancine
Assistente de Direção musical: Carol Futuro
Assessoria de Imprensa: Daniella Cavalcanti
Programação Visual: Gabi Rocha
Fotos: Silvana Marques
Assistente de Assessoria de Imprensa: Bruna Amorim
Coordenação de Produção: Janaína Santos
Produção Executiva: Regiane Sobral e Thalita Mendes
Estagiária de Produção: Andreza Lima
Coordenação de Planejamento: Mariana Sacramento
Assistente de Planejamento: Clarissa Verdial
Financeiro e Administrativo: Luciana Verde
Prestação de Contas: Ana Caroline Araújo
Apoio de Produção e Administração: Carlos Henrique
Produção e Realização: Sarau Agência de Cultura Brasileira

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Comente

Botão Voltar ao topo
Fechar